Top 5 tendências do SPFW45

via Tina Siqueira – Consultoria de Imagem e Estilo

capa_spfw_ts (1)

Na semana passada, rolou a 45º edição do São Paulo Fashion Week, que trouxe novidades ao formato, como a volta de algumas grifes e desfiles de coleções primavera/verão, além da outono/inverno.

Reuni as 5 tendências que mais se destacaram e que você já pode usar para esta e, quem sabe, outras estações. Confira:

TONS TERROSOS

Continuar lendo

Street Style do SPFW

Na sexta-feira (29), chegamos ao fim da 41ª edição do São Paulo Fashion Week. Durante 5 dias foram apresentadas nas passarelas tendências de inverno, verão, beachwear, da pegada urbana a romântica, atingindo todos os estilos. 

Mas o SPFW também ganhou as ruas em volta da Bienal, com um street style cheio de glamour. O frio e a chuva não atrapalharam e ,sim, ajudaram a produzir um festival de casacos, jaquetas e moletons quentinhos para os dias da capital paulista. Veja:

looks10

looks8 Continuar lendo

SPFW: Japão beachwear de Lenny Niemeyer

Brasil, país tropical e nós brasileiras amamos praia! Juntei este amor por praia, mar, sol ao nosso olhar curioso de estar sempre olhando para frente, para revelar algumas das tendências de primavera-verão 2016/2017. A grife Lenny Niemeyer trouxe muitas novidades em seu desfile que foi realizado na quarta-feira (27) no São Paulo Fashion Week.

lenny1

Para se inspirar, Lenny olhou para a cultura do Japão e trouxe ícones tradição oriental, como o shibari, sumô, quimonos e estampas de animais como tigre e carpas, em modelagens contemporâneas. Aliás, as estampas são bem ricas, uma beleza a parte.

Eu adorei a coleção, que está recheada de detalhes. São maiôs e biquínis com recortes e modelagens que vão de uma alça mais grossa a um decote bem aberto em V, um vazado na cintura ou até transformar o maiô em uma t-shirt, com mangas curtas ou compridas, simulando construções japonesas.

lenny2 Continuar lendo

SPFW: Coleção Karl Lagerfeld para Riachuelo

O mais esperado desfile do São Paulo Fashion Week da noite de terça-feira (26), a Riachuelo trouxe para as passarelas a parceira com o Karl Lagerfeld, uma coleção outono/inverno maravilhosa, muito aplaudida pelos fashionistas, imprensa e por outros profissionais ligados a moda.

riachuelo1

A coleção tem muito da identidade do diretor criativo da Fendi e da Channel. São peças em couro ecológico, como as luvinhas curtas com dedos de fora, calça e a saia ajustada com plissado na barra – modelos compostos de silhueta slim, a cartela de cores PB e o mood dandy roqueiro de Karl Lagerfeld.

Outro destaque é a camisa abotoada até o pescoço com acessórios na gola é peça-chave vinda do guarda-roupa masculino e uniforme do Kaiser. Da alfaiataria também vem um blazer com lapela tipo smoking, uma calça mais ajustada e uma saia, com cinturas no lugar (nem altas nem baixas).

riachuelo2 Continuar lendo

SPFW: Ronaldo Fraga e a “Re-existência”

Ronaldo Fraga não segue tendências. Suas criações são conceituais, artísticas, obras de arte. Ele gosta de contar histórias, que nos levam a China, o Rio São Francisco, os valores da juventude e da honestidade – sempre com um olhar particular, recheado de engajamento. E novamente Ronaldo Fraga nos fez viajar em mais uma história, agora dos refugiados.

Ronaldo16

Intitulado “Re-existência”, a coleção apresentado na noite de segunda-feira (25) na 41º edição do São Paulo Fashion Week mostra essas pessoas, que fugiram da guerra em frageis barcos, em busca de esperança de uma vida melhor. As roupas são um meio de comunicar, é a cultura, a identidade que eles trazem de seus países e Ronaldo transportou isso para as roupas coloridas e estampadas; nos cabelos e adereços.

A coleção também critica a intolerância humana, não só dos países europeus que querem virar as costas para refugiados e imigrantes, mas para a intolerância das diferenças vividas em todo o mundo.

ronaldo1 Continuar lendo

SPFW: Deserto do Atacama inspira hits em couro de Patricia Vieira

Para encerrar a “nossa” seleção de desfiles do São Paulo Fashion Week, os looks de desejo apresentados por Patricia Viera! A estilista se inspirou no deserto do Atacama para criar a coleção de Outono/Inverno 2016.

É sempre incrível ver o que Patricia Viera é capaz de fazer com o couro. Ela dá à pele uma maleabilidade e uma leveza surpreendentes. Nobre e com muitos efeitos, o material é sempre protagonistas das roupas, bonitas e especiais com modelagens tradicionais, dos vestidos cinquentinha com top justinho e saia rodada aos curtinhos retos e casacos e jaquetas.

patricia-viera-spfw-inv16-100-654x983patricia-viera-spfw-inv16-102-654x983

Patricia caprichou nas saias ajustadas de comprimento midi e nas calças flare. Inspirada pelo deserto do Atacama (não à toa a passarela era de sal grosso, alusão ao deserto de sal do Chile), ela criou bonitas estrelas de couro, aplicadas em dois vestidos transparentes, um tipo chemise branco, outro longo preto de mangas compridas.

patricia-viera-spfw-inv16-121-654x983patricia-viera-spfw-inv16-120-654x983 (1)

Continuar lendo

SPFW: Jeans de alfaiataria e tons terrosos marcam presença no desfile da Colcci

Sem Gisele Bündchen, a Colcci apresentou na passarela do São Paulo Fashion Week uma coleção de Inverno 2016 focada no jeans de alfaiataria, tons terrosos e florais. A grife trouxe roupas bonitas e comerciais, peças de chamois em tons caramelo, uma novidade para a Colcci.

1445644786201

Renda, couro e jacquard complementaram a coleção, inspirada no ritmo lento de destinos desérticos. Em entrevista do jornal Estadão, a estilista da Colcci, Adriana Zucco, afirmou que são escolhidos 10 a 15 itens da coleção para ganhar versões comerciais. Por isso, o que se vê na passarela não se encontra nas vitrines.

colcci-spfw-inv16-003-654x983colcci-spfw-inv16-004-654x983

Continuar lendo

SPFW: Portugal aos olhos de Reinaldo Lourenço

Em julho passado, Reinaldo Lourenço passou 15 dias viajando por Portugal. Ficou apaixonado pelo que viu em pequenas cidades como Viana do Castelo, Minho, Sintra, pelo clima desértico do Alentejo, pelas cidades maiores como Porto e Lisboa. Estes lugares serviram de inspiração para a coleção para o Inverno 2016 apresentada no São Paulo Fashion Week inverno 2016!

reinaldo-lourenco-spfw-inv16-038-654x983reinaldo-lourenco-spfw-inv16-045-654x983

As referências portuguesas, na versão de Reinaldo, ganham uma outra estética. O folclore foi transformado em algo super contemporâneo. Os azulejos portugueses ficaram mais gráficos. As noivas de Minho, que só vestem preto, inspiraram os chiques conjuntos de veludo. As tiras dos trajes portugueses típicos caíram como luva no trabalho de tiras que Reinaldo já faz, numa nova versão. Os aventais apareceram em vestidos de veludo com renda bordada por baixo.

reinaldo2

Continuar lendo

SPFW: PatBo entre franjas e cordas

A grife mineira PatBo pisou na passarela com um proposito bem diferente de outras coleções. O carro chefe da grife sempre foi o bordado, mas desta vez a Patbo inovou, apresentando no São Paulo Fashion Week inverno 2016 uma coleção rústica, com franjas e cordas.

patbo-spfw-inv16-002-654x983patbo-spfw-inv16-003-654x983

O tecido usado em alguns looks remete ao cobertor, que fez lembrar as peles e capas usadas nos ombros pelos povos nômades, o que acabou levando aos vikings. Patricia Bonaldi interpretou a referência dentro do repertório de sua marca, injetando muito glamour.

patbo-spfw-inv16-007-654x983patbo-spfw-inv16-009-654x983

Continuar lendo

SPFW: Alexandre Herchcovitch

Domingo (18) foi a abertura da temporada de desfiles mais importante do Brasil. O São Paulo Fashion Week comemora a sua 40ª edição vividos em 20 anos de muita intensidade e estilo.

Alexandre Herchcovitch abriu os trabalhos da edição Inverno 2016 da Fashion Run. Na passarela um clima fetichista e a cor preta imperou em vários looks. Num exercicio de mostra-esconde, o estilista brincou com elementos do sexo. Havia botas de couro, feitas em parceria com a Arezzo, produções que mesclam o recato e o despudor.

alexandre-herchcovith-spfw-inv16-002-654x983alexandre-herchcovith-spfw-inv16-004-654x983

Transparências ou mulheres com casacos pesados, recortados em linha diagonal com zíperes. Por baixo, meias arrastão pretas. Camisolões usados em séculos passados – quando o sexo era tabu e todo o corpo era escondido – ressurge com listras e fitas. O estilista ainda recuperou o xadrez, uma de suas marcas registradas.

Tecidos nobres e clássicos como cashmere, lã alpaca, cetim, tricoline e tule com elastano estão entre as matérias-primas da coleção.

alexandre-herchcovith-spfw-inv16-007-654x983alexandre-herchcovith-spfw-inv16-009-654x983

Continuar lendo